dermatite canina, cachorro coceira

Dermatite Canina: Aprenda o que é e como evitar

Doenças de pele como a dermatite canina atingem uma grande quantidade de cachorros. Porém existem maneiras de evitar que seu pet desenvolva esse problema de saúde e se mantenha saudável e forte.

dermatite canina, cachorro coceira

Afinal o que é Dermatite canina? “Derma” significa pele e “tite” inflamação, ou seja, dermatite nada mais é que a inflamação da pele. Então essa doença pode ocorrer em todos os animais com pele, até mesmo em humanos. As características mais comuns da dermatite são coceira excessiva, queda de pelo, vermelhidão e pus.

 

Tipos de Dermatite Canina e suas características

 

A origem dessa inflamação é bem variada, podendo ser bacteriana, fungica, psicológica, alimentar e de parasitas.

Dermatite bacteriana

Portanto se caracteriza pela inflamação da derme por bactérias que habitam o próprio animal. O surgimento da inflação acontece devido ao aumento da colônia dessas bactérias, que se aproveita da baixa imunidade dos animais para se proliferar. Então para evitar a dermatite bacteriana é necessário garantir uma alta imunidade e controlar a oleosidade da derme.

Características: surgimento de mau cheiro, queda de pelo e coceira excessiva.

Dermatite fungica

Essa é causada por uma colônia de fungos, diferente da bacteriana a fungica não atinge todo o corpo, se concentrado em apenas uma região, geralmente em formato circular. Portanto a dermatite fungicida é transmissível, se seu pet estiver infectado é provável que você também esteja. Assim para evitar a dermatite por fungos é importante manter a higienização frequente do pet, seja por meio de banho molhado ou banho seco.

Características: queda de pelo em uma única região, geralmente em formato circular.

Dermatite psicológica

Diferente das outras dermatites citadas acima, a dermatite psicológica tem origem interna. O desiquilíbrio mental causado por estresse, ansiedade, depressão pode acarretar em doenças na pele dos animais. Portanto para evitar esse tipo de dermatite é necessário prevenir o surgimento de algum desiquilíbrio psicológico no pet. Passar muito tempo sozinho, não passear, situações estressantes e um lar violento podem causar transtorno psicológicos nos animais.

Caraterísticas: coceira excessiva, queda de pelo e vermelhidão generalizada.

Dermatite alimentar

O surgimento da dermatite pode ter origem na alimentação do animal. Componentes da ração podem causar alergias em alguns pets. Além de que uma alimentação pobre em nutrientes e vitaminas pode facilitar o aparecimento de outros tipos de dermatite.

Características: coceira excessiva, queda de pelo e vermelhidão.

Dermatite causada por parasitas

Como o nome sugere essa dermatite é causada por infestações de parasitas, geralmente pulgas e carrapatos. As lesões provocadas por esses insetos podem causar inflamações e desconforto. Então para evitar isso é necessário manter a higiene do pet e do local, e se possível sempre medicar o animal com soluções anti parasitas.

Características: coceira excessiva, queda de pelo, vermelhidão, aparecimento de feridas e pus.

 

Raças de cachorro propensos a ter Dermatite Canina

 

Algumas raças de cachorro são mais propensas a ter problemas de pele. Isso acontece por diversos fatores biológicos que são caraterísticas das raças como o pH mais ácido, excesso de oleosidade da derme e especificações do pelo. Confira a baixa as raças com maior facilidade em ter dermatite canina:

  • Beagle
  • Boxer
  • Bulldogs
  • Dálmata
  • Golden Retriever
  • Labrador
  • Lhasa Apso
  • Pastor Alemão
  • Pastor Belga
  • Poodle
  • Pug
  • Schnauzers
  • Shar Pei
  • Shi-Tzu
  • E também variações de Terriers, como Boston Terrier, Scotch Terrier, e West Highland White Terrier.

Raramente cães SRD (os queridos vira-latas) desenvolvem dermatite.

 

Como evitar dermatite canina

 

Enfim, existem cuidados que você como tutor pode tomar para evitar que seu pet desenvolva algum tipo de dermatite. Em sua maioria são cuidados simples, como evitar o contato do animal com substancias químicas, certificar de que está oferecendo uma boa alimentação, higiene do animal e do ambiente e visitas regulares ao médico veterinário.

Também existem substancias que usamos no dia a dia que podem causar dermatite. Portanto para garantir que seu pet se mantenha saudável mantenha distancia de ácidos, borrachas, cigarro, cosméticos humanos, inseticidas, produtos à base de petróleo, produtos de limpeza em geral, perfumes, pólen, solventes e sabão para limpeza de roupas.

 

Cuidados extras

 

#1 Para lavar as roupas e caminha do seu cachorro você deve usar  amaciante para pets, as fórmulas desses produtos são desenvolvidas para não agredir a pele dos animais e caso você durma junto do seu pet, é recomendado que também utilize esses amaciantes em suas roupas de cama.

#2 Se a pele do seu pet for muito sensível, escolha por linhas de cosméticos veterinários hipoalérgicos ou shampoo para filhote de cachorro.

#3 Invista em uma alimentação saudável e balanceada, com ração de fórmula natural e rações sem corantes. Completar a alimentação do seu pet com suplementos veterinários também ajudara a garantir uma dieta mais saudável e completa.

#4 Faça visitas regulares ao médico veterinário.

 

Espero que esse artigo tenha te ajudado a entender o que é dermatite canina e como evitá-la. Caso seu pet tenha algum desses sintomas procure um veterinário para iniciar o tratamento.

Se interessou? Veja em nosso blog mais conteúdos como este: Perfume para cachorro: Respostas e dúvidas frequentes, Suplemento para cachorro: Dicas de como incluir na alimentação e Como guardar ração e preservar a qualidade nutricional?

Abrir whatsapp
Chama no whats